03/05/2024
Curso em Metodologia e Gestão de Projetos capacita servidores para captação de recursos da União

Com o intuito de capacitar os servidores/técnicos da Gerência de Apoio à Captação de Recursos (GCR) na prática de elaboração de projetos, a fim de que sejam multiplicadores das setoriais que trabalham na captação de recursos da União, a Secretaria de Estado de Planejamento, Orçamento e Gestão (Sepog) deu início ao curso Metodologia e Gestão de Projetos Aplicados no Setor Público, no laboratório da Escola de Governo. O curso está sendo realizado por meio da Coordenadoria de Políticas Públicas (CDPP), e iniciou no dia 25 de abril, com finalização programada para o dia 23 de maio.

Segundo a secretária da Sepog, Beatriz Basílio, a capacitação vai possibilitar aos técnicos conhecimentos, para auxiliar os setores do governo na captação de recursos, os quais são essenciais para complementar as políticas públicas do Estado. “É de suma importância levar o conhecimento em sistema de captação de recursos aos técnicos, pois é uma forma de auxiliar a transparência nos processos a serem executados”, pontuou.

Para o gerente de Convênios e Captação de Recursos, Douglas Vieira, esse treinamento faz parte do plano de capacitação da equipe, para que todos estejam aptos no apoio aos setores que necessitam elaborar projetos, voltados à captação de recursos das transferências da União. “É uma forma de buscar efetividade das políticas públicas no Estado”, ressaltou. 

 

SOBRE O CURSO

O treinamento tem carga horária de 20 horas e está sendo ministrado pelo assessor da Coordenação de Políticas Públicas da Sepog, Marcus Vinicius da Rocha, que aborda conceitos de projetos dentro das políticas públicas do Estado e correlaciona com as várias metodologias e boas práticas de sucesso existentes, como:

  • Boas práticas de projetos: PMBOK, Prince2, OKR, Scrum, Agile;
  • Boas práticas de planejamento de políticas públicas;
  • Metodologia de análise de indicadores de desempenho;
  • Construção de objetivos, metas e planos de ação realizáveis;
  • Modelagem de projetos: PMC, BPMN, DMN;
  • Legislação atualizada; e
  • Imersão em projetos com inteligência artificial.

Imagens

Imagem 1
Imagem 2
Imagem 3